• Palmital, 19 de Julho de 2018.

Polícia prende família suspeita de aplicar golpes no sudoeste do Paraná

Uma família de Santa Catarina foi presa suspeita de aplicar golpes em moradores do sudoeste do Paraná.
Segundo a polícia, um caso foi denunciado na segunda-feira (12) por um agricultor de Renascença que vendeu um trator ao um casal e recebeu como pagamento R$ 20 mil em cheques supostamente sem fundos.
O produtor rural desconfiou e acionou a polícia, dando características do veículo em que o casal, uma filha maior de idade e um filho adolescente estavam.
A caminhonete com placas de Joinville seguia atrás do trator comprado e foi abordada a cerca de 5 km do local onde o negócio havia sido fechado.
Com a família, foram encontradas cerca de 90 folhas de cheque - algumas delas de terceiros -, joias, dinheiro, objetos e cartões de crédito, que a polícia acredita ser resultado de outros golpes aplicados na região.
Ainda segundo os policiais, a mulher tem várias passagens por estelionato em Santa Catarina.
Depois de levados à delegacia da Polícia Civil em Francisco Beltrão os filhos foram liberados e o casal mantido preso.
G1 PR