• Palmital, 29 de Janeiro de 2022.

Semana começa com 10.733 vagas ofertadas nas Agências do Trabalhador do Paraná

As 216 Agências do Trabalhador e postos avançados no Paraná abrem a semana com a oferta de 10.733 vagas. O grande número de vagas com carteira assinada reflete a retomada da economia do Estado com a redução dos números da pandemia e também com as vagas temporárias abertas no comércio, serviços e indústria no final de ano.

Nas agências de Curitiba e Região Metropolitana estão sendo ofertadas 2.044 vagas. As principais são para operador de telemarketing, com 335 ofertas, e para auxiliar de linha de produção são outras 216 oportunidades.

Nas Agências do Interior do Estado o destaque é a regional de Toledo, no Oeste, com 1.494 vagas, a maioria para auxiliar de linha de produção – 523. A regional de Cascavel (Oeste) oferece 1.285 empregos, sendo as principais vagas para auxiliar de linha de produção, com 337 oportunidades.

"É um final de ano com o mercado de trabalho aquecido no Estado. Com a vacinação avançada, estamos observando um período de retomada. Mais de 10 mil paranaenses podem encerrar o ano com a carteira assinada, e isso apenas na intermediação do Governo do Estado. O setor privado está planejando investir, o que nos deixa animados com 2022", disse o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

De acordo com o secretário estadual da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, a gestão tem se esforçado para estabelecer parcerias com as empresas para aumentar a empregabilidade no Estado.

“Gerar empregos é uma obsessão da nossa gestão. O emprego é o melhor programa social que um governo pode oferecer aos seus cidadãos. O emprego dá autonomia para que o trabalhador possa levar o sustento para a sua casa, sem depender de programas sociais”, afirmou Leprevost.
 
ATENDIMENTOS

Os interessados em alguma das vagas ofertadas devem buscar orientações junto à Agência do Trabalhador do município. Na Capital, a Agência do Trabalhador de Curitiba voltou a atender o público de forma presencial, das 9h às 17h. Para evitar aglomeração, e respeitando todas as orientações das autoridades sanitárias, a sugestão é agendar um horário.

Fonte: AEN